Imprensa
A- A+

História do melhor jornalismo
regional do País. Leiam! (130)

  DANIEL LIMA - 13/11/2018

Novos planos para o Fórum da Cidadania do Grande ABC e uma entrevista com um padre corintiano compuseram a edição de fevereiro de 1998 da revista LivreMercado, antecessora de CapitalSocial. Acompanhei atentamente (e jamais sem abandonar o espírito crítico) o maior movimento social da história da região. Veja os primeiros trechos da matéria: “O Fórum da Cidadania do Grande ABC recomeça a temporada de atividades de olho em novos projetos. A ampliação da base de representação, que já alcança 100 organizações, é uma das maiores preocupações do coordenador Marcos Gonçalves, presidente da Avape (Associação para Valorização e Promoção de Excepcionais). Entretanto, com mandato a expirar-se no mês que vem, Marcos Gonçalves pretende também reforçar o número de integrantes, as funções e a própria denominação do Conselho Consultivo, uma instância suplementar de poder da instituição. A explicação do coordenador para essa iniciativa que ainda está em fase de sensibilização volta-se para a própria perenidade da essência programática do Fórum da Cidadania. Com mais personalidades de diversos campos no Conselho Consultivo e novas atribuições, Marcos Gonçalves acredita que a instituição não correria qualquer risco de sofrer desvios de rota. Agora, os primeiros trechos do perfil do padre Rubens, esculpido pela jornalista Malu Marcoccia: “Alguém na porta faz sinal de positivo com o polegar. É a senha de que o Coríntians emplacou um gol. Os pequenos olhos verdes brilham escondidos atrás de grossas lentes de óculos. O torcedor vibra, interrompe a tarefa e diz para todos, alto e bom som, que o Timão fez um a zero no adversário. Não disfarça a felicidade. Seria mais um fato prosaico se o fanático corintiano em questão não fosse padre Rubens Chasseraux e se a cena não ocorresse em plena celebração de uma missa dominical. Mas os moradores da Vila Palmares, em Santo André, já estão acostumados. Foi a irreverência de padre Rubens que os conquistou há 35 anos, quando esse paulista de Piratininga decidiu adotar como família a então favela de Vila Palmares.”.

05/02/1998 - Ação para evitar desvios de rota

05/02/1998 - Missionário em preto-e-branco 

Leia mais matérias desta seção:

Administração PúblicaEconomiaImprensaEsportesRegionalidadePolíticaCaso Celso DanielSociedadeMetamorfose Econômica

Entrevista EspecialNosso Século XXI (1ª Ed.)Nosso Século XXI (2ª Ed.)Mercado ImobiliárioEntrevista IndesejadaMeias Verdades

Quem somosSeçõesLinksAnuncieContato

Capital Social | Regionalidade para ser impressa

Fone: (11) 4425-6449 • Email: capitalsocial@capitalsocial.com.br

© 2016 | desenvolvido por Agogô e Orion Public